Por que reformar patrimônios históricos

Autores

  • Vanuza Gomes de Menezes
  • Ana Paula Marques Rubim
  • Luana Barra Rodrigues Mengue Loeblein
  • Tiago Vieira Baialardy

Palavras-chave:

Casa de cultura; Projeto; Reformas

Resumo

Com o projeto Iconicidades criado pelo CAU, a revitalização e/ou reforma de patrimônios históricos vem sendo cada vez mais aplicados. As reformas destes patrimônios podem fazer com que a história e cultura da região se mantenha viva por mais tempo, e faz com que a sociedade se interesse mais pela história de suas próprias raízes, olhe mais para o local, ou visite-o mais. É mais agradável uma pessoa visitar um local em bom estado, nitidamente bem cuidado, que seja atrativo e interativo do que um local que esteja caindo aos pedaços e mal cuidado, sendo assim o artigo busca responder à problemática: Porque reformar patrimônios históricos? Bem como relatar a história da casa de cultura e passar para os leitores do porque é importante manter características originais de um patrimônio histórico e reformar a mesma. O artigo apresenta o porque reformar patrimônios históricos, conta sobre a família Wilkens a história da Casa de Cultura Demósthenes Gonzalez, ao longo do artigo, foi desenvolvido como podemos cuidar e reformar um patrimônio tão importante para a sociedade que foi o tema gerador do artigo e sobre o projeto ganhador do Iconicidades para Cachoeirinha, o escritório Troyano Arquitetura. Seguido de uma pesquisa aplicando o método qualitativo, em um primeiro momento foi realizada uma visita ao local para obter informações e imagens do patrimônio histórico e no segundo momento foi realizado pesquisas na internet e com historiadores. O artigo desenvolvido a partir destas informações, traz uma reflexão e incentivo a sociedade e aos estudantes e profissionais da área para quem cuidem, preservem e deem a devida importância para os patrimônios históricos, obras tão significativas para a população.

Downloads

Publicado

2024-03-22

Edição

Seção

ARTIGO ARQUITETURA E URBANISMO/DESIGN DE INTERIORES