Sistemas reciprocantes versus rotatórios

uma revisão de literatura

Autores

  • Emilia Polli MENDELSKI Centro Universitário Cesuca
  • Nélio Bairros DORNELLES JUNIOR Centro Universitário Cesuca

Resumo

A busca por melhorias na endodontia tem como objetivo otimizar o tratamento e torna-lo mais eficaz. A introdução da técnica de instrumentação mecanizada com instrumentos de níquel-titânio diminuiu o número de erros operatórios e aumentou a qualidade dos tratamentos endodôntico, bem como apresentam uma menor modificação da trajetória original do canal quando comparado com o uso de instrumentos manuais. O sistema de instrumentação reciprocante tem a proposta de utilizar um único instrumento e de uso único para o preparo do canal radicular, dentre as vantagens: menor tempo de trabalho, redução do número de instrumentos necessários para a instrumentação radicular, simplicidade, segurança em relação à fratura de instrumentos. Os sistemas rotatórios contínuos, são capazes de confeccionar preparos de forma rápida, com boa conicidade e centralizados, com menor índice de erros. O objetivo deste trabalho é avaliar qual dos sistemas mecanizados de instrumentação do sistema de canais radiculares torna o tratamento endodôntico mais eficaz. Foi realizada uma revisão de literatura na base de dados Pubmed, incluindo apenas artigos de 2020 e 2021 que abordassem o uso ou propriedades dos dois sistemas mecanizados. Em relação a limpeza, ambos apresentaram grau de eficiência parecido, não havendo diferenças significativas. Quanto ao risco de fratura, os instrumentais reciprocantes se mostraram mais resistentes, seja pelo material que são fabricados, seja pela forma que trabalham no interior do canal. O tempo clinico diminui consideravelmente quando utilizados instrumentais reciprocantes em comparação a instrumentais rotatórios contínuos, por conseguinte observa-se a relevância dos sistemas mecanizados cujo tratamento pode ser realizado sem nenhum problema em apenas uma sessão, quanto na segurança, devido as novas ligas de NiTi e M-Wire, tratadas termicamente com uma determinada capacidade elasticidade, e evitando acidentes como fraturas. Cada sistema possui suas vantagens e desvantagens quando comparados, por isso o dentista deve escolher a técnica mais adequada ao caso, seguindo as instruções estabelecidas pelo fabricante, como a irrigação associada a ação mecânica do instrumento um aspecto essencial para obtermos um bom tratamento endodôntico, e o protocolo específico a cada instrumento, deve ser respeitado.

Downloads

Publicado

2021-12-03