Coordenação pedagógica em um contexto de pandemia

Autores

  • Julia Silva da SILVEIRA Centro Universitário Cesuca
  • Isadora Belmonte TURELLA Centro Universitário Cesuca
  • Cristiane Lumertz Klein DOMINGUES Centro Universitário Cesuca

Resumo

Este estudo parte da realidade observada no contexto da pandemia de covid-19, especialmente no ano de 2020, no âmbito pedagógico, vez que o modelo de ensino teve de ser rapidamente reestruturado frente às novas condições de saúde. Para tanto, buscou-se evidenciar as estratégias abordadas pela equipe pedagógica no novo contexto, com o intuito de analisar os caminhos mais eficazes adotados e assim desenvolver um referencial estruturado para este cenário. Os meios utilizados para cumprir este objetivo foram uma entrevista estruturada com uma profissional atuante da coordenação pedagógica e uma revisão de literatura. Esta pesquisa tinha como questionamento: Quais os desafios de coordenar uma equipe sem ter contato presencialmente com os alunos e professores? Dentre os objetivos pode-se citar: o objetivo geral de evidenciar as estratégias abordadas pela equipe pedagógica em tempos de distanciamento social/pandemia, a fim de compreender os caminhos mais eficazes desta prática, tendo em vista uma situação pioneira no cenário educacional. Quantos aos objetivos específicos pode-se apontar quais ferramentas utilizadas no cenário epidêmico, para comunicação entre corpo docente e coordenação; Evidenciar a modalidade escolhida pela instituição para ocorrer às aulas, compreendendo o modo que os alunos se adaptaram ao mesmo; Apontar os impactos no desenvolvimento cognitivo e físico que a ausência do ambiente escolar ocasionou; Compreender os novos desafios que surgiram com o contexto da pandemia, tendo em vista um contexto totalmente novo. O estudo pode demonstrar que a tecnologia se tornou uma grande aliada, visto que as aulas puderam continuar somente através de recursos que permitiram o ensino remoto, seja por meio de videoaulas ou compartilhamento de atividades, no entanto, embora não existam impactos negativos do aspecto cognitivo perceptíveis, a ausência do espaço físico, por sua vez, teve claro impacto no desenvolvimento cinestésico dos alunos. Podemos concluir que a imprevisibilidade oferecida pelo cenário e a falta de literatura de apoio fez com que muitos profissionais trabalhassem com incerteza, evidenciando a clara necessidade de desenvolvimento de novas pesquisas que aprofundem os impactos de cada metodologia adotada nos aspectos específicos do desenvolvimento infantil.

Downloads

Publicado

2021-12-03