5. ANTÍGONA E A RESISTÊNCIA ANTE A LEI INJUSTA

Autores

  • Ney WIEDEMANN NETO FACULDADE INEDI - CESUCA

DOI:

https://doi.org/10.17793/rdd.v5i8.875

Palavras-chave:

Antígona, Sófocles, Direito, Literatura

Resumo

O texto examina a peça “Antígona”, de Sófocles, e a sua atualidade, numa aproximação entre o Direito e a Literatura, com foco na questão da resistência ante a lei injusta através da desobediência civil.

Biografia do Autor

Ney WIEDEMANN NETO, FACULDADE INEDI - CESUCA

Desembargador do Tribunal de Justiça do Rio Grande do Sul. Mestre em Poder Judiciário, FGV Direito Rio. Professor do Curso de Direito da Faculdade Inedi CESUCA, Cachoeirinha-RS.

Referências

ARISTÓTELES. A arte retórica e arte poética. Trad. Antônio Pinto de Carvalho. São Paulo: Difusão Européia do Livro, 1959.
AZEVEDO, Plauto Faraco de. Limites e justificação do poder do Estado. Petrópolis: Vozes, 1979.
BARROSO, Luís Roberto. Curso de Direito Constitucional Contemporâneo: os conceitos fundamentais e a construção do novo modelo. 4ª. ed. São Paulo: Saraiva, 2013.
BARROS FILHO, Clóvis. A filosofia explica as grandes questões da humanidade. São Paulo: Casa do Saber, 2013.
KELSEN, Hans. A Justiça e o Direito Natural. Trad. João Baptista Machado. 2ª ed. Coimbra: Armênio Amado Editor, 1979.
LLOOYD, Dennis. A ideia de lei. São Paulo: Martins Fontes, 1985.
NADER, Paulo. Introdução ao estudo do direito. Rio de Janeiro: Forense, 1982.
OST, François. Raconter la loi – Aux sources de l’imaginaire juridique. Paris: Odile Jacob, 2004.
ROSENFIELD, Kathrin. Sófocles & Antígona. Filosofia Passo-a-Passo. Vol. 9. Rio de Janeiro, Jorge Zahar Editor, 2002.
SÓFOCLES. Antígona. Trad. Donaldo Schüler. Porto Alegre: L&PM Pocket, 2011.

Publicado

2015-09-19