Emoção tem nome

estágio em Orientação Educacional em tempos de pandemia

  • Cíntia da Rocha ANGELI Centro Universitário Cesuca
  • Gabriele Bonotto SILVA Centro Universitário Cesuca

Resumo

A narrativa das atribuições diárias de uma Orientadora Educacional foi a inspiração do projeto intitulado “Emoção tem nome!”, que tem como principal objetivo a prática do Estágio Supervisionado na Gestão Escolar, disciplina obrigatória do curso de Pedagogia do Cesuca Centro Universitário. Tal projeto não pode ser aplicado de forma presencial em virtude da pandemia mundial, causada pelo vírus COVID-19, portanto foi elaborado para ser posto em prática de maneira virtual, utilizando a plataforma Facebook como ferramenta principal. Os planos de ações desenvolvidos tiveram como foco principal a mediação de conflitos de forma preventiva e buscaram respostas à problemática: “qual a importância e como identificar minhas emoções?”. Tais planos foram concebidos para uma aplicação on-line, configurados em vídeos de curta duração, onde os participantes pudessem exercer interação e participação. A experiência do projeto “Emoção tem nome!” permitiu averiguar que não existem emoções positivas ou negativas, sentir todas elas faz parte de um bom funcionamento emocional diário dos indivíduos e, possibilitou concluir também, quão importante é trabalhar a educação emocional na escolas por meio da identificação e nomeação das emoções, pois a aquisição das competências emocionais, através do desenvolvimento de tais habilidades, é fundamental para que conflitos sejam evitados e/ou de mais simples resolução. 

Publicado
2021-01-12
Como Citar
ANGELI, Cíntia da Rocha; SILVA, Gabriele Bonotto. Emoção tem nome. MOSTRA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA DO CESUCA - ISSN 2317-5915, [S.l.], n. 14, p. 503-512, jan. 2021. ISSN 2317-5915. Disponível em: <http://ojs.cesuca.edu.br/index.php/mostrac/article/view/1898>. Acesso em: 01 mar. 2021.