A interferência do peso da mochila no surgimento de alterações posturais em escolares

  • Nathália Dimer MARTINS Centro Universitário Cesuca
  • Emanuelle Francine Detogni SCHMIT Centro Universitário Cesuca

Resumo

As mochilas tornaram-se a forma mais popular entre os estudantes para o transporte de seus materiais, entretanto muitos carregam de forma inadequada, ou ainda, muito pesada. Dessa forma, podendo levar a problemas posturais e dores na coluna. Com as crianças e adolescentes vivenciando um período rápido de crescimento, a coluna vertebral pode sofrer de lesões, então o uso adequado da mochila se faz necessário para preveni-las. Levando em consideração o exposto, o objetivo do presente estudo foi revisar na literatura estudos que abordem a relação entre o peso da mochila e a ocorrência de desvios posturais. Além da busca por respostas acerca do peso mais adequado de mochilas para os escolares de modo que evite dores e problemas futuros. Para isso, foram conduzidas buscas nas bases de dados PubMed e Science Direct no dia 29 de maio de 2020, com a utilização dos respectivos termos e operadores boleanos: “child” [AND] “school” [AND] “backpack” [AND] “posture”, e filtrados os estudos a partir da leitura e crivo de critérios de elegibilidade. Com os estudos selecionados foi criado um formulário padronizado para extração dos principais dados. A busca inicial contou com 144 artigos, entretanto com as devidas exclusões restaram 70 artigos para melhor análise. Após a leitura na íntegra, foram considerados potencialmente relevantes cinco artigos, e esses, foram incluídos na análise qualitativa. A partir da avaliação dos estudos, foi possível observar que há relação entre o peso da mochila e a ocorrência de desvios posturais, principalmente na região da cabeça e pescoço, uma vez que quanto mais carga na mochila, mais o pescoço e cabeça irão para frente, forçando essa região. 

Publicado
2021-01-12
Como Citar
MARTINS, Nathália Dimer; SCHMIT, Emanuelle Francine Detogni. A interferência do peso da mochila no surgimento de alterações posturais em escolares. MOSTRA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA DO CESUCA - ISSN 2317-5915, [S.l.], n. 14, p. 236-245, jan. 2021. ISSN 2317-5915. Disponível em: <http://ojs.cesuca.edu.br/index.php/mostrac/article/view/1886>. Acesso em: 24 sep. 2021.