Liderança remota nas organizações

  • Camila Blum PRATES Centro Universitário Cesuca
  • Lucas Lucian Medina MOREIRA Centro Universitário Cesuca
  • Juliana SABOIA Centro Universitário Cesuca

Resumo

Liderar uma equipe de forma remota é sempre um desafio para um gestor ainda mais em tempos de crise, no qual tem suas habilidades e competências colocadas à prova, mas também conta com inúmeras tecnologias que utilizam sistemas de gestão e comunicação para auxiliar neste processo as quais já vinham a algum tempo ganhando mercado, os gestores precisam se “supercomunicar’’ com seus colaboradores diante dos acontecimentos atuais que estão ocorrendo nas organizações tornam este processo cada vez mais veloz, é necessário que além de acesso a tecnologias, os profissionais tenham ambientes adequados de trabalho para exercer suas atividades laborais, que estejam aptos mentalmente e fisicamente para desenvolver um bom trabalho, neste momento é  imprescindível  que os gestores estejam a par rotineiramente dos resultados e estado de suas equipes, para que com  os novos desafios que contam com prós e contras dependendo do ponto de vista da companhia e de seus colaboradores segundo Hyman (2020). Com a inserção destas tecnologias, ressalta  Júnior (2020) auxiliando no gerenciamento de equipes de forma remota, faz com que a informação ganhe velocidade de compartilhamento tornando o processo de decisão mais vulnerável, pois se deve possuir plena confiança no time que esta sendo comandado mesmo que estas decisões possam causar um certo arrependimento depois, Rahme (2017) afirma que deste sistema de decisões podem surgir grupos de conhecimento, grupos tecnológicos e até mesmo grupos de melhores práticas. O home office não é nenhum sistema novo, mas que com a velocidade que vem avançando esta exigindo o surgimento de novas tecnologias e o desenvolvimento de habilidades a gestores os quais devem fornecer suporte a seus colaboradores e tornar este sistema de trabalho de forma agradável afim de minimizar seus impactos, mas também garantir as responsabilidades de cada um na geração dos resultados segundo Regazzini (2020). Este artigo possui como objetivo geral analisar o funcionamento de sistemas de gestão remota, tendo como objetivos específicos a verificação de novas tecnologias para sistemas de gestão remota na área industrial e verificar os impactos gerados por esta forma de gestão remota nas equipes. Para obtenção destes objetivos será elaborada uma pesquisa quantitativa, utilizando um questionário online com perguntas pré-definidas buscando atingir um público dos 18 aos 55 anos de idade do sexo masculino e feminino em uma indústria de bebidas situada na região de Viamão para coleta de dados, os quais serão analisados com excel o qual uma de suas  funções  é  fazer analise estatística e demonstrações gráficas . O estudo encontra-se na fase de coleta de dados. 

Publicado
2021-01-12
Como Citar
PRATES, Camila Blum; MOREIRA, Lucas Lucian Medina; SABOIA, Juliana. Liderança remota nas organizações. MOSTRA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA DO CESUCA - ISSN 2317-5915, [S.l.], n. 14, p. 414, jan. 2021. ISSN 2317-5915. Disponível em: <http://ojs.cesuca.edu.br/index.php/mostrac/article/view/1833>. Acesso em: 24 sep. 2021.