Os desafios impostos pela pandemia na formação profissional em atendimentos com crianças

um relato de experiência

  • Taiane Domingos MARTINS Cesuca Centro Universitário
  • Aline da Silva PIASON Cesuca Centro Universitário

Resumo

O presente artigo tem como objetivo relatar a experiência acadêmica da disciplina de Estágio Profissional realizado no SEP (Serviço - Escola de Psicologia), situado nas dependências de uma Faculdade de Psicologia localizada na região Metropolitana de Porto Alegre. A experiência de estágio foi realizada no núcleo de Acolhimento e Grupos. Os clientes atendidos foram crianças entre 5 a 10 anos, cujas demandas identificadas são: questões emocionais e dificuldades de aprendizagem. Abordagem Humanista Fenomenológica Existencial foi utilizada, visando ao aprofundamento nos conceitos descritos por Carl Rogers e Axline. Antes da pandemia Covid-19, as mesmas eram atendidas na modalidade grupal, mas por medidas de biossegurança, adotou-se o atendimento aos seus responsáveis com escuta empática e aconselhamento direcionado aos manejos com as crianças para o enfrentamento das ansiedades geradas com o distanciamento escolar. Nesse sentido, a experiência possibilitou um primeiro contato na posição de um saber ainda não experimentado, fato esse gerador de insegurança pela chegada do novo. Pois o inesperado nos convoca a sairmos da posição confortável de sala de aula, para enfrentarmos o desconhecido com a prática clínica, retomando conhecimentos trabalhados em disciplinas prévias.

Publicado
2021-01-12
Como Citar
MARTINS, Taiane Domingos; PIASON, Aline da Silva. Os desafios impostos pela pandemia na formação profissional em atendimentos com crianças. MOSTRA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA DO CESUCA - ISSN 2317-5915, [S.l.], n. 14, p. 565-574, jan. 2021. ISSN 2317-5915. Disponível em: <http://ojs.cesuca.edu.br/index.php/mostrac/article/view/1826>. Acesso em: 01 mar. 2021.