Feminismo negro e a interseccionalidade no Brasil:

um olhar sobre a inserção da mulher negra no mercado de trabalho

  • Dheniffer Luiz RODRIGUES Cesuca- Faculdade Inedi
  • Cláudio Kieffer VEIGA Cesuca- Faculdade Inedi

Resumo

Nota-se que a desigualdade causada por gênero e raça está expressa e reflete no dia-a-dia das mulheres, principalmente das mulheres negras. Neste sentido, a presente reflexão tem como objetivo demonstrar, atualmente, o lugar da mulher negra no mercado de trabalho e sua situação neste ambiente tão marcado pelas desigualdades de gênero, social e racial. Primeiramente será abordado um breve apontamento sobre o feminismo negro no Brasil e seu marco em 1980, pois para entender a situação da mulher negra no mercado de trabalho, é necessário compreender o sofrimento histórico. Após é trazida para reflexão a inserção da mulher negra no ambiente de trabalho, na expectativa de que, para quais mulheres o mercado de trabalho está direcionado, levando em consideração as questões de aparência e educação. Mas para que possa compreender o lugar da mulher negra neste cenário, é necessário abordar a diferença de gênero e raça, bem como as conquistas dos projetos feministas. Por fim, será refletido sobre o lugar da mulher negra no cenário atual do mercado de trabalho, tendo em vista a importância da trajetória socioeconômica dos indivíduos. Além disto, esta pesquisa tem o objetivo de demonstrar também, as funções as quais a mulher negra se encaixa no atual cenário, em virtude do preconceito histórico, carregado com a sua chegada no país, na posição de escrava. A metodologia aplicada nesta pesquisa foi o levantamento de dados coletados pelos órgãos de pesquisa, bem como leituras bibliográficas para melhor esclarecimento dos aspectos sociais causadores da discriminação da mulher negra no mercado de trabalho.

Publicado
2019-12-30
Como Citar
RODRIGUES, Dheniffer Luiz; VEIGA, Cláudio Kieffer. Feminismo negro e a interseccionalidade no Brasil:. MOSTRA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA DO CESUCA - ISSN 2317-5915, [S.l.], n. 13, p. 125-134, dez. 2019. ISSN 2317-5915. Disponível em: <http://ojs.cesuca.edu.br/index.php/mostrac/article/view/1729>. Acesso em: 28 out. 2020.