Casa Cor 2019 – amostra de Arquitetura de interiores

uma análise sob o ponto de vista de futuros arquiteto

  • Caroline SANTOS Cesuca- Faculdade Inedi
  • Gabriel Saldanha CALLOVY Cesuca- Faculdade Inedi
  • Mateus RODRIGUES Cesuca- Faculdade Inedi
  • Priscila Kelen LOVERA Cesuca- Faculdade Inedi
  • Joice Giuliani Krás BORGES Cesuca- Faculdade Inedi

Resumo

A amostra de interiores Casacor Rio Grande do Sul 2019 localiza-se na Avenida Ceará, 1549, encontra-se vinculada às Avenidas Maranhão, Paraná e Ernesto da Fontoura. Apresentando sua 28ª edição como maior evento de amostra de arquitetura de interiores, dispõe 49 ambientes planejados em exposição, abrangendo a participação de arquitetos renomados como Ana Hnszel, Renato Melo, entre outros. Este ano a Casacor surpreende com ambientes espaçosos adaptados, com tendências em luminárias, diferentes tipos de materiais como tijolo e madeira de demolição, pedras de quartzo, e até um ambiente com pedra sodalita, variedades de tecidos como seda, couro, assim como diversos ambientes com automação integrada. Inúmeros elementos naturais constituem as vegetações presentes proporcionando a harmonia e conforto entre os objetos propostos. Com objetivo de elaborar uma avaliação baseada em perspectivas de futuros arquitetos, foi dirigido um estudo usando como metodologia a análise; na qual observamos e destacamos dois ambientes agradáveis e um desagradável eleitos por nós; tais como, a Sala com Arte de Renato Melo, considerado um dos melhores em nosso ponto de vista; o ambiente proporciona uma viajem pelo mundo artístico, trazendo elementos como a Bossa Nova, música-ambiente e pinturas feitas por grandes nomes da fase modernista brasileira. A presença da vegetação e a iluminação trazem ao ambiente um clima suave, o suficiente para tornar o local aconchegante. Harmonia e leveza são exibidas em tons pastéis contrastadas pelas cores das obras de artes junto à sala. Fez-se uso também de móveis de demolição restaurados. Outro ambiente que nos cativou foi o Home Office do Casal, organizado pelo grupo Quadriart, buscando como origem a importância de um ambiente de trabalho confortável, objetivo que foi alcançado com sucesso. O espaço dispõe de elementos naturais, tanto em vegetação, pedras, e principalmente a iluminação. Trazida em abundancia, a luz natural enche e simplifica o ambiente, tornando moderno e convidativo, também, luminárias de led espalhadas em pontos específicos assim como uma lareira elétrica para dias mais frios trazendo sensação de aconchego a quem o utilizar. Cores claras, boa iluminação, harmonia e beleza na disposição do ambiente, complementam uma área perfeita para um arquiteto projetar. Por estes motivos elegemos os melhores ambientes da Casacor 2019. Por outro lado, o ambiente eleito o pior foi o Lavabo Tri Suave, da Arquiteta Marilia Zimmermann, sendo um ambiente monocromático e cavernoso com tom cor de rosa exagerado. O excesso da luz de led e nenhuma iluminação natural deixam o ambiente com uma sensação claustrofóbica. A transição de cores em relação à antessala e o lavabo são agressivos aos olhos. Sendo assim se torna um local abafado, porém, a disposição dos móveis é bem distribuída. Desta forma, em nosso ponto de vista crítico é importante ressaltar a funcionalidade e aproveitamento de espaço para que melhor atenda seu propósito sem perder a harmonia entre os elementos do ambiente.

Publicado
2019-12-30
Como Citar
SANTOS, Caroline et al. Casa Cor 2019 – amostra de Arquitetura de interiores. MOSTRA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA DO CESUCA - ISSN 2317-5915, [S.l.], n. 13, p. 8-9, dez. 2019. ISSN 2317-5915. Disponível em: <http://ojs.cesuca.edu.br/index.php/mostrac/article/view/1673>. Acesso em: 26 out. 2020.