Humanização na equipe de trabalho

um relato de experiência

  • Jóice dos Santos ARAÚJO
  • Patrícia dos Santos BOPSIN
  • Ingrid dos Santos JARDIM
  • Graziela Monteiro ANACLETO

Resumo

Introdução: Humanização como conceito literal significa “tornar humano, compassivo, caridoso”. Humanização nas relações interpessoais, vemos este significado como inato do ser humano, porém torna-se mais amplo quando o analisamos das mais diversas formas, na saúde não é diferente. Humanização da assistência refere-se ao tratar o paciente como um todo com um histórico, uma vida e não somente uma patologia ao um agravo a saúde. O trabalho prestado pela equipe de enfermagem também tem que ser visto com este cuidado, humanização com o cuidador é essencial para um atendimento de qualidade ao paciente. Objetivo: relatar a percepção do acadêmico de enfermagem durante a vivência e capacitação sobre Humanização. Metodologia: Trata-se de um estudo descritivo do tipo relato de experiência, realizado durante o acompanhamento da disciplina Prática de Gestão em Enfermagem em um hospital da região metropolitana de Porto Alegre. Resultados: Com o intuito de praticar os processos educacionais do enfermeiro e a pedido dos profissionais foi realizado uma dinâmica sobre humanização da equipe de enfermagem focada no trabalhador: Técnicos de Enfermagem, Enfermeiros, Acadêmicos de Enfermagem e Docente, os quais receberam uma capacitação “in locu” sobre a humanização da assistência e também a importância do sentimento dos profissionais sobre o conceito de humanização. Após, a dinâmica inicia com um pedaço colorido de papel seda, amassamos como o sentimento de tudo que não é humano, em seguida desamassamos com cuidado que teríamos com algo delicado, após pegando no centro do papel girando com sentimento benevolência o papel se transforma em uma flor, esta que agora teremos que presentear alguém do grupo. Considerações finais: Após a dinâmica, muitos relatavam que mesmo após todo aquele sentimento desumano o papel se transformou em uma bela flor, que pode ser presenteada a outra pessoa trazendo um sentimento de importância do trabalho que realizam, e tão importante para o cuidado ao próximo. Relataram a importância de se perceber, que mesmo que a humanização seja um comportamento inato do homem, com a rotina este comportamento se torna raro, a equipe de enfermagem tem que ser vista como multiplicador de sentimentos bons, humanização e empatia.
Publicado
2018-02-20
Como Citar
ARAÚJO, Jóice dos Santos et al. Humanização na equipe de trabalho. MOSTRA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA DO CESUCA - ISSN 2317-5915, [S.l.], n. 11, p. 436-437, fev. 2018. ISSN 2317-5915. Disponível em: <http://ojs.cesuca.edu.br/index.php/mostrac/article/view/1393>. Acesso em: 21 jul. 2018.