Projeto educação para a paz e a promoção de saúde no âmbito escolar

  • Ana Cristina LOPES Cesuca- Faculdade Inedi
  • Carla HIEGER
  • Janaina Colombo COLISSI
  • Nola Cátia de JESUS
  • Márcia E. Wilke FRANCO

Resumo

O presente trabalho tem na sua origem um pedido de ajuda da direção da escola, pois uma situação vivenciada a partir de uma agressão de alunas na sala de aula acabou terminando de forma trágica. Agressões, brigas, discussões e falta de respeito tem sido questões bastante constantes nos ambientes escolares. Sabemos que todos tem direito à escola, e que cada vez mais o educador tem precisado trabalhar com questões que vão além dos conteúdos. Porém muitos se sentem sozinhos e intimidados, e sem saber como lidar com esses temas. Assim, surgiu a possibilidade de desenvolver o projeto “Educação para a paz e a promoção de saúde no âmbito escolar”. O projeto foi desenvolvido nas turmas de 6º e 7º ano do Ensino Fundamental da Escola Luís de Camões em Cachoeirinha-RS no turno da manhã. Participaram 20 alunos, entre uma faixa etária de 12 a 15 anos. E nas turmas de 6º , 7º e 9º ano da mesma escola porém no turno da tarde onde participaram 30 alunos, entre uma faixa etária de 12 a 17 anos. O objetivo geral tem como ênfase valorizar o respeito, a solidariedade, a cooperação com o outro, buscando aumentar o autoconhecimento e o controle das emoções. Este projeto foi elaborado pelas estagiárias de psicologia que realizam estágio profissional no PsicoAção da Faculdade Cesuca, o mesmo surgiu para atender a demanda urgente de violência dentro de uma escola estadual do município de Cachoeirinha, durante o ano de 2017. A metodologia utilizada é predominantemente qualitativo, com ênfase na pesquisa participante, mas apoiando-se também em um questionário que será analisado quantitativamente. Foram realizados entrevistas com diretores, alguns professores e funcionários, e com os alunos envolvidos no projeto, coletas de dados, aplicação de um questionário, dinâmicas de grupos utilizando música e vídeos sobre os diferentes tipos de violência, bem como outras práticas. Acredita-se que falar sobre Educação para Paz buscando realizar promoção de saúde nas escolas é a forma como entendemos que podemos mudar a realidade. Este projeto encontra-se em desenvolvimento, mas os dados encontrados até o momento mostram que já auxiliou os alunos do ensino fundamental, na compreensão da educação para Paz, ampliando os olhares para a não violência. Foi possível promover novos aprendizados sobre Educação para Paz, despertando empatia e ajudando a compreender a amplitude da violência dentro do ambiente escolar.

Publicado
2017-12-11
Como Citar
LOPES, Ana Cristina et al. Projeto educação para a paz e a promoção de saúde no âmbito escolar. MOSTRA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA DO CESUCA - ISSN 2317-5915, [S.l.], n. 11, p. 371-372, dez. 2017. ISSN 2317-5915. Disponível em: <http://ojs.cesuca.edu.br/index.php/mostrac/article/view/1369>. Acesso em: 24 set. 2018.