VIOLÊNCIA DOMÉSTICA: RELATO DE EXPERIÊNCIA VIVENCIADO NO ESTÁGIO PROFISSIONAL NO PROJETO DE PSICOLOGIA JURÍDICA - PSIPJUR

  • Adriana COSTA
  • Paulo Henrique dos Santos BARBOSA
  • Márcia Elisabete Wilke FRANCO

Resumo

O presente artigo tem por objetivo enunciar um relato de experiência vivenciada no Núcleo Psicológico Jurídico (PSIJUR), localizado no 4ª andar do CESUCA – Faculdade Inedi localizada na cidade de Cachoeirinha-RS. O Psijur visa prestar atendimento aos casais encaminhados pela 2ª Vara de Violência da cidade de Cachoeirinha/RS e que possuem interesse de permanecerem juntos ou não. A avaliação psicológica realizada é parcial, de cunho situacional, possuindo uma característica dinâmica e não cristalizada. O estudo ressalta a temática da Violência Doméstica, abordando opiniões diversas de alguns autores. O relato da experiência busca problematizar e contar a atuação do estagiário de Psicologia no contexto jurídico. O processo de avaliação psicológica inicialmente é realizado com o casal. No primeiro momento é realizada uma entrevista inicial, preenchimento da ficha de dados sócio demográfico, Bender e assinatura do Termo de Consentimento Livre e Esclarecido (TCLE). Na sequencia é realizado Inventário de Identificação e de Resolução Conflitos e o teste Bateria Fatorial de Personalidade (BFP). Em outro momento é realizado o Teste da Casa, Árvore e Pessoa (HTP) e a Escala de Avaliação de Tendência à Agressividade (EATA), Inventário de Habilidades Sociais Conjugais (IHSC) e o Teste de Zulliger. Encerrando a avaliação o processo com elaboração do laudo e a entrevista de devolução ao casal. Conclui-se que o trabalho de Psicologia Jurídica realizado no Psijur amplia o serviço da clínica escola do Cesuca e facilita o acesso à comunidade e contribui para os estudos de violência doméstica. Já para o estagiário, essa vivência do estágio profissional proporciona uma preparação a introdução e inserção no mercado de trabalho, na prática de aplicação de testes, entrevistas psicológicas, troca entre os colegas e dinâmica familiar. Tudo isso, só foi possível devido ao ambiente de aprendizagem adequado e ao acompanhamento supervisionado.
Publicado
2016-12-19
Como Citar
COSTA, Adriana; BARBOSA, Paulo Henrique dos Santos; FRANCO, Márcia Elisabete Wilke. VIOLÊNCIA DOMÉSTICA: RELATO DE EXPERIÊNCIA VIVENCIADO NO ESTÁGIO PROFISSIONAL NO PROJETO DE PSICOLOGIA JURÍDICA - PSIPJUR. MOSTRA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA DO CESUCA - 2317-5915, [S.l.], n. 10, p. 312-321, dez. 2016. ISSN 2317-5915. Disponível em: <http://ojs.cesuca.edu.br/index.php/mostrac/article/view/1237>. Acesso em: 19 out. 2017.

Palavras-chave

Violência Doméstica; Casal; Psicologia Jurídica; Relato de Experiência de Estágio